4 dicas para ficar bem posicionado no Google Ads

Esse post vai dar algumas dicas importantes para você que quer fazer Google Ads, mas ainda tem dúvidas.
11/09/2017
Postado em:
11
set
por Hey!

Se toda vez que você busca por um produto no Google, se depara com anúncios e fica cogitando como ficar bem posicionado no Google Ads e se ele funciona em pequenas empresas e cidades do interior, nós precisamos trocar uma ideia.

Ainda é muito fácil ver empreendedores achando que para ter bons resultados no Google é preciso ser uma grande empresa e investir muito dinheiro. Isso é um mito, e a gente vai te mostrar que é possível competir com grandes empresas, mesmo com um orçamento menor.

Simplificando o início do pensamento: grandes empresas tem objetivos diferentes das pequenas. Elas têm sempre um custo maior para manter-se, por isso precisam de um número grande de clientes, por isso acabam comprometendo a qualidade da campanha usando um número maior de palavras-chave, pois assim alcançam pessoas com diversos objetivos em suas buscas, e ainda precisam convencer as pessoas de que o seu produto é a melhor opção, e assim gastam mais energia ainda.

Já a pequena empresa, não precisa de um volume gigantesco de palavras-chave, podendo usar tags mais específicas e mostrar seus anúncios somente para as pessoas que têm interesse em seus produtos e já estão no momento de tomada de decisão na sua compra, aumentando a possibilidade de conversão. Então aqui vai nossa primeira dica: se seu orçamento é baixo, foque todo o seu esforço para encontrar as pessoas que realmente precisam do seu produto.

 

Aqui vão 4 dicas importantes para ficar bem posicionado no Google Ads

#1 Escolha bem as palavras-chave

Como dissemos no início, um dos principais aspectos para diferencias as pequenas das grandes empresas é o fato de que a pequena pode criar campanhas muito mais precisas apenas com o uso das palavras-chave específicas. Então pense como o seu cliente pensaria na hora de fazer uma busca.

 

#2 Livre-se do mito da primeira posição

Sim, é um mito. Todo mundo acredita que estar na primeira posição nas buscas é essencial para fazer boas conversões, mas pense bem: digamos que para ficar em primeiro lugar no Google, uma determinada palavra-chave custaria R$ 4, enquanto a segunda posição teria um custo de cerca de R$1. Sim, ¼ do custo e você ainda está bem colocado. Imagine, então, que a sua segunda posição alcança 4 cliques com o custo de 1 se você optasse por brigar pelo topo.

É claro que existem outras variáveis e aqui utilizamos valores hipotéticos para tornar o esquema didático, mas você precisa entender que nem sempre vale a pena dar um lance alto para conquistar a primeira posição e sacrificar seu orçamento, e ainda comprometer o volume de cliques. No exemplo que criamos acima, você trocaria 40 cliques na segunda posição do Google por apenas 10 na primeira.

 

#3 Segundos cliques valem muito

Normalmente, as pessoas fazem várias pesquisas até decidirem onde e o que comprar. Elas entram em um site, olha, pensam, entram em outro site, repetem o processo e aí avaliam os pontos positivos e negativos. Algumas vezes, elas fecham o navegador, esfriam a cabeça e depois voltam para efetivar a compra, e é aí que você pode conquista-las novamente.

O Google, sábio que é, permite que você dê lances diferentes caso o usuário já tenha entrado em seu site anteriormente. Nesse caso, dar lances maiores pelos segundos cliques vale muito a pena, pois a probabilidade de converter o clique em venda é muito maior, pois o usuário já conhece sua empresa e seu produto, e está decidido a comprar.

 

#4 Você não anuncia para robôs

Essa é uma dica simples: a maneira como você fala com seus clientes é essencial para a conversão, afinal de contas, são pessoas, têm emoções e podem ser conquistadas ou afastadas com uma simples palavra.

Falar de maneira específica e bem pensada é muito importante para converter cliques em vendas, além de criar um bom relacionamento com seu público (você pode ler esse post sobre marketing de relacionamento).

 

E aí, agora que você viu que não precisa de um grande investimento e dá pra ter bons resultados usando essas e várias outras estratégias, que tal começar a investir em Google Ads agora mesmo? Conte com a gente para espalhar suas ideias pelas buscas.

#EspalheIdeias